9
ago
2016
7

SAÚDE, VIDA, MORTE E BODYBUILDING

“Oh, Deus, por onde eu começo? Eu teria que dizer que tudo o que levou para o meu problema de coração começou na hora que eu comecei a levar a sério o fisiculturismo competitivo. A fim de ficar maior, eu comeria 2-3 kg de carne vermelha por dia, sem legumes. E eu ficava longe de frutas por causa do seu açúcar.

Pior eram os produtos químicos. Eu tenho tantas memórias de estar sozinho em um quarto de hotel durante a semana, cinco dias ou dois dias antes de uma competição, e fazer coisas indizíveis para meu corpo, esteroides, GH, diuréticos, qualquer coisa e tudo que nós, como fisiculturistas fazemos para alcançar um certo olhar.

Isso tem afetado toda a minha vida, por isso a todos os caras que estão em uma eterna busca para ter 53 cm de braço e 51 cm de panturrilha e que são tão vaidosos sobre a sua atitude de nunca querer mudar, eu digo: “Mude sua atitude. ” Preocupe-se em manter esse corpo de vocês tão saudável quanto possível, porque vai ter que durar não apenas para sua próxima competição ou para o final do seu contrato de musculação, mas por um longo tempo. E um longo tempo para um ser humano não é nada. Ele passa bem rápido, ainda mais rápido quando sua saúde se foi e você não tem nada para se sustentar”.

Mike Matarazzo (1966-2014)

4 Responses

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.