24
out
2018
3

JEJUM INTERMITENTE é uma boa estratégia para o emagrecimento?

JEJUM INTERMITENTE tem fama de ser uma excelente estratégia para perda de gordura. Existem várias formas de se fazer jejum intermitente, sendo o jejum de 16 horas o mais popular no meio do fisiculturismo.

O jejum intermitente melhora a sensibilidade à insulina, reduz a glicemia, reduz IGF-1, pode promover perda de gordura, melhora do perfil lipídico e redução da pressão arterial. No entanto, a maior parte das evidências não mostra superioridade do jejum quando comparado à restrição calórica contínua (maior frequência de refeições). Ou seja, a restrição calórica pode promover os mesmos benefícios metabólicos do JEJUM, principalmente perda de gordura.

Muitos alegam que o jejum promoveria maior queima de gordura por manter níveis de insulina baixos por mais tempo, elevando também os hormônios contrarreguladores da insulina, como glucagon, cortisol e GH. Esses hormônios estimulam a lipólise, que é degradação de triacilgliceróis (gordura) em ácidos graxos e glicerol. Por mais que isso seja verdade, podemos ver pela figura que restringir a alimentação em poucas horas do dia (6-8 horas) concentra mais os picos de insulina, promovendo maiores elevações desse hormônio que dividindo a alimentação em várias refeições ao dia. Níveis mais altos de insulina inibem mais a lipólise e estimulam mais a lipogênese (síntese de ácidos graxos a partir de carboidratos), o que acaba compensando a maior oxidação de gorduras durante o tempo de jejum. Por esse motivo, fazer JEJUM “sem restrição calórica” tem pouca efetividade para reduzir gordura corporal.

Também não significa que é uma estratégia inútil, pois pode ser muito útil em pessoas que preferem comer poucas vezes ao dia ou indivíduos que atingiram um platô com uma estratégia tradicional de perda de peso. Eu vi bons resultados em mulheres que tinham dificuldade controlar a fome com a restrição calórica contínua. Considerando que o nosso metabolismo é dinâmico e se altera com a perda de peso, uma mudança de estratégia pode ser interessante, principalmente se facilitar a adesão do indivíduo. Se você faz jejum intermitente por muito tempo e está estagnado também vale a pena mudar a estratégia. Sem mágica ;)

abraços, Dudu Haluch

Leia mais

Deixar um Comentário